O regresso

Se me fosse dito antes
que à primeira luz do dia tu virias,
não esperaria a noite
nem dormia.

Se me fosse dado certo
um escrito à rigor do teu regresso,
guardaria as finas folhas
do jornal que estava impresso.

Me deram nada de nada:
da tua vida a partida,
de minha um esquecimento.
Sobra-me apenas o tempo,
um lamento.

E eu não sabia,
juro que não sabia,
dos amores que levavas
nem as dores que trazias.

1 Sussurros:

Juliana disse...

"E eu não sabia,
juro que não sabia,
Dos amores que levavas
Nem as dores que trazias."

Todo ele é perfeito, mas está parte...Nossaaa!

Quem sou eu

Minha foto
Sou o verbo: o estado, o tempo e a ação contínua.

Pesquisar este blog