Sobre desejos

Os dias sucedem aos dias
E os homens, aos homens.
Cada geração põe a ferro
Todas as provações humanas.


É como se todos os desejos
Se repetissem infinitamente
Em cada novo choro de criança.

9 Sussurros:

Filipe D. disse...

Olaaaaaaaaa!!!

Certamente minha cara que a poesia não necessita de um contexto propício
para que se transforme em algo poético.

E esta mágica de poder entrelaçar infinitos planos, infinitos contextos que parecem tomar a forma de quem lê, essa liberdade é o que me fascina.

Quanto ao seu texto...

A sucessão dos sentimentos, o ciclo
que eles compõe em nós, as experiencias que parecem nunca suficientes, nunca deveras apreendidas.

Mas sempre uma esperança de que TUDO PODE MUDAR!!!

Esse tbm é meu sentimento. Apesar de seus textos geralmente terminarem em fundo melancólico(como ops da Phyhernandes),
consigo enxergar a esperança no fundo dos olhos que o escreveram(mesmo se isso não for verdade para vc, é o que sinto)

Então...

Eis a mágica da poesia!!
hehehe =D

bjoOs poetisa!!

Rafael disse...

Simplesmente... simples e poético... forte...

Jaime A. disse...

É com se todos os desejos
Se repetissem infinitamente
Em cada novo choro de criança.

E teus braços os acalentassem
nos cálidos braços que os amparam.

Lorenzo Tozzi-Evola disse...

Talvez não se trate de repetição, mas de sucessão. (:

Everton Merlin disse...

Olá moça sumida, por andas que não mais a vi?

Já faz um bom tempo que não devaneio pela vida blogueira, mas ao retornar vi que o teu bolg não mudou, sempre com essas pérolas que dão prazer em ler.


Dê notícias, apareça!


Hasta luego!

Rody Cáceres disse...

Olha só, toda vez que visito teu blog me declaro expantado com teu trabalho...PORRA...mas fica difícil não ficar impressionado com o que escreves...parabéns mais uma vez, sou teu fã...pensarás que tô falando isso só pq. nos vemos na Furg de vez em quando, mas não posso faxzer nada...a culpa é tua eheh!! abraços

Palavras de mulher. disse...

..A fé nos homens é só para quem tem um coração tão doce quanto vc!!!..adoro tuas poesias...que bela alma tens menina!

Rody Cáceres disse...

Guriazinha...estive pensando em organizar algum tipo de Sarau Aberto...seria uma reunião em um local pré-programado, aberto ao público e a todos os poetas que quiserem participar, para apresentção de trabalho...cada poeta poderia apresentar três poesias...algo desse tipo...que achas? participarias? abraços.

Rody Cáceres disse...

E ai guria, confirmado o sarau dia 31/07 no Petruzzi as 19:00. Te aguardo. Se der divulga.

Quem sou eu

Minha foto
Sou o verbo: o estado, o tempo e a ação contínua.

Pesquisar este blog